A RADIANTE LUZ INTERIOR


A RADIANTE LUZ INTERIOR


A beleza exterior vem de seu pai e mãe: o corpo deles cria seu corpo. Mas a beleza interior vem de seu próprio crescimento da consciência que você está carregando de muitas vidas.

Na sua individualidade ambos estão juntos, a herança física de seu pai e da sua mãe e a herança espiritual de suas vidas passadas, sua perceptividade, seu êxtase, sua alegria.

Então não é absolutamente necessário de que o exterior seja um reflexo do interior, nem o vice-versa será verdadeiro, de que o interior corresponderá ao exterior.

Mas às vezes acontece que sua beleza interior é tamanha, sua luz interna é tanta que ela começa irradiar de seu corpo externo. Seu corpo externo pode não ser belo, mas a luz que procede de suas fontes, suas fontes mais profundas de vida eterna, irá fazer mesmo um corpo que não seja belo no sentido ordinário parecer bonito, radiante.

Mas o contrário nunca é verdadeiro. Sua beleza externa tem somente a profundeza da pele. Ela não pode afetar sua beleza interior. Pelo contrário, a beleza exterior torna-se um obstáculo na busca interior: você se torna por demais identificado com o exterior. Quem irá procurar pelas fontes do interior?

Muito freqüentemente acontece que as pessoas que são externamente bonitas, são interiormente muito feias. A beleza externa delas se torna uma capa para escondê-las debaixo, e isto é experienciado por milhões de pessoas todo dia. Você apaixona-se por uma mulher ou por um homem, porque você só pode ver o exterior. E depois de alguns dias você começa a descobrir o estado íntimo dele; este não corresponde a beleza externa dele. Pelo contrário, esta é muito feia.
OSHO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.