As Três Jóias do Buddhismo

O Buddha, o Dharma e a Sangha são as três jóias do buddhismo.

O Buddha, ou Iluminado, é como um professor, o mestre que nos guia no caminho para a iluminação. Seus ensinamentos, ou Dharma, são o próprio caminho pelo qual se caminha. Aqueles que nos acompanham na jornada formam a Sangha, a comunidade de praticantes que seguem os ensinamentos de Buddha.


Aquele que tenha ido ao Buddha, ao Dharma e à Sangha como refúgio vêem com sabedoria plena as quatro nobres verdades:

- O sofrimento;
- A origem do sofrimento;
- A cessação do sofrimento;
- A o nobre caminho que conduz à cessação do sofrimento.

"Os Buddhas, os totalmente iluminados, são inconcebíveis;


O Dharma, o ensinamento deles, é inconcebível;


E a Sangha também é inconcebível. Portanto, se você desenvolver uma fé inconcebível, o resultado também será inconcebível. Está dito nas escrituras que se os benefícios de se refugiar nas Três Jóias pudessem se tornar visíveis, todo o universo seria pequeno demais para contê-los, assim como os grandes oceanos não podem ser medidos com as suas mãos. Tendo em mente estes grandes benefícios, você deveria alegrar-se com a oportunidade de fazer oferendas às Três Jóias e de refugiar-se nelas. Você será capaz de aliviar as influências de ações negativas cometidas, além de obstruções kármicas. Todas elas serão eliminadas e você será considerado como um ser sublime."

(Dalai Lama, O Caminho para a Liberdade)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.