A Paz e a Guerra

Cida Medeiros
Toda a paz antecede o conflito.

Não existe paz sem guerra.

Vivemos em uma humanidade onde os "contrários" precisam sentir a Presença da Luz.

Intimidamos quando assumimos o nosso real poder na luz.

O amo não é frágil e nem tão pouco ingenuo.

O amor é capaz de impor uma presença que intimida qualquer mortal.

Quando fazemos a travessia, muitos "contrários", avança para derrubar.

Para escravizar a entidade humano, no medo, na angustia, no ódio, na incerteza, aprisionar na escuridão.

A Luz sabe disso.

Por isso, quando brandamos em bom tom, e levantamos a espada, não estamos necessariamente propondo a guerra. mais fazendo recuar as tropas dos inimigos.

Fazendo-os sentir-se na sua real condição.

Portanto, antes da Paz, a guerra é quase inevitável.

porque vivemos um período onde as pessoas perderam a noção de si.

A noção do que estão fazendo.

Estão mergulhados na total escuridão espiritual.

Prestes a fazer loucuras.

Por medo da perda e da mudança.

Não é tão fácil fazer mudanças, para os espíritos que estão mergulhados no medo e na insegurança.

A reação imediata, e destruir a Luz.

Por isso, o amor é mais mortal que a própria morte, como diria Prem Baba.

Há de se ter presença, força e lucidez para virar a própria mesa.

Cida Medeiros


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.