A Inteireza




"Estar completo em si mesmo. Sem perder-se no outro. Sem ser agarrado pela ilusão do ter. Reconhecer o Ser. Valorizar o Amor. Estar Conectado.

Cida Medeiros






Estar inteiro é estar em posse de si mesmo.
Esse estado de "Ser" tem muito haver com a maneira com que nos relacionamos com o mundo a nossa volta e podemos perceber o que sentimos em relação ao mesmo.

Tudo que nos joga para fora de sí mesmo e atribuímos um valor maior do que a sua própria experiência, causa sofrimento.

Ser inteiro é assumir o que é nosso com dignidade e valor.

É amar a si mesmo, com generosidade, com compaixão, com alegria, com aceitação, com gentileza, com afeto e com respeito.
Todo gesto de amor próprio aumenta a nossa auto-confiança.

Devo lembrar que estar inteiro é uma Jornada de Cura para a vida toda.

Quando estamos vinculados com nossas origens no sentido de aceitação e amor, recebemos uma força e  experimentamos uma dimensão de inteireza.  Por isso é tão importante incluir e honrar nossos antepassados.

É uma etapa importante em nossa cura pessoal.

É fundamental compreender isso.

Estar vinculado para que o amor possa fluir, com respeito e aceitação.

Existem muitas dimensões para conectarmos e que nos permite o "Estar Inteiro".

É difícil experimentar a Inteireza sem estar de posse de si mesmo.

Ter um pouco de liberdade interior a partir da consciência no seu próprio auto-valor.

Estar livre das influências da Cultura. Eis uma imensa Sabedoria a ser desenvolvida, como estar, compartilhar, viver, sem ser agarrado por isso tudo? Saber seu lugar e honrá-lo?

Ter consciência que você vive isso, mais em essência, não é somente isso? 

Estar no Centro.

No Centro de sua própria realidade de vida, conectado com um Universo Imaterial, que podemos chamar de Deus, pulsando a chama do Amor no Coração, em conexão com o seu Ser, olhando em todas as direções, percebendo o que acontece a sua volta, sem se perder, sem ignorar, mais presente.

Pois estando presente em conexão com o coração, saberemos o que fazer, caso se faça necessário.

O Silêncio sentido, a Meditação, a oração ou uma prece pode ser de muito mais valia do que a tristeza ou mesmo as lágrimas, ou preocupações, quando se trata do exercício da solidariedade humana.

Agir a partir do coração, ações concretas ajudam muito na hora de compartilhar destinos dolorosos de outros irmãos planetários.

Perdido no outro é escravidão na certa.

Quando nos relacionamos com o outro a partir de nossa inteireza, reconhecemos o espaço do outro, seu limite, o seu destino, o nosso, comunicamos com clareza nossos sentimentos, respeitamos e somos respeitados.

Agimos com Sabedoria porque ouvimos o coração. É o coração é fonte de Sabedoria.

Estar inteiro é estar no Ser e para estar no Ser é preciso estar Presente, e para estar presente você precisa ouvir e para ouvir você precisa parar, entrar em outro ritmo, centrar-se, perceber o que esta a sua volta.

As vezes a pessoa esta agarrada em seu umbigo. 

Precisamos desenvolver o entendimento da dimensão dessa parte de sí mesmo.

Por isso, estar inteiro é uma Jornada para Vida Toda.

Aonde você está nesse momento? 

No umbigo, no coração, na cabeça ou não sabe?

Cida Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.