A importância da Presença.


Para se ter "presença" em nossas ações é preciso desenvolver a prática da meditação constante. 

Estar presente oferece uma grande oportunidade da "Consciência Pessoal" estar em conexão com  a Essência, ou com seu Ser de Luz ou até mesmo com as forças espirituais do Universo que podem mover muita energia de cura. Ajudando e atuando com mais firmeza, clareza e sabedoria, sobre nossos des-controles internos.

Os des-"controles" internos, podem ter muitas origens.

Estar presente, despertando a "presença" para resgatar a sabedoria do corpo. A muito perdida...

Os condicionamentos internos são padrões limitantes, que leva a comportamentos viciados e repetitivos.
 
Para se ter domínio sobre si mesmo é necessário força de vontade.

É dizer e sustentar com muita clareza e dignidade o "Não", para aquilo que não lhe faz bem e o "Sim" para aquilo que é bom, saudável e sustentável.

A prática de uma vida interior aumenta a condição de você estar mais presente em suas escolhas. E com a qualidade do Ser que é repleto de sabedoria e é a essência do que você é.

Meditação é a busca da unicidade. O Vedanta. A não dualidade.

É diferente de trabalhar com imagens mentais, pensamentos, visualização e outros. Isso é apenas uma etapa do processo de Meditação da qual me refiro. A gente começa por ai, mais é preciso transcender essa etapa.

Quando alcançamos esse domínio interno de entrega e calma, temos mais recursos para ouvir as sutilezas que envolve o nosso bem estar ou mal estar.

Se não estamos atentos a essa linguagem que vem da alma em conexão com a "Maestria" que vem da Natureza sábia que habita em nosso corpo, não temos força de vontade para seguir com decisões que ajudem a superar o mal hábito. Isso faz uma grande diferença no resultado de nossas ações no mundo.

Tem uma força de vontade que vem do Ego e tem uma força de vontade mais desperta e que está em sintonia com a alma.

O corpo é como um "Cavalo" selvagem, precisa ser despertado com a gentileza e a presença do nosso "Ser", para resgatar a sabedoria da natureza em conexão com nossa Essência de Luz, que é amorosa e lúcida.

Se não, podemos nos perder nos véus das ilusões e ficar patinando por horas a fio num espaço limitado de gelo no chão, achando lindo nossa performance, mais iludidos com a falta de percepção de si mesmo, sem saber ouvir as necessidades do corpo, sem respeitar seus limites, sem dar a ele a provisão necessária para a manutenção da saúde, sem perceber que ele faz parte de um todo e esta a serviço de manutenção de uma vida interior que urge ser ouvida.

A vida do corpo está limitada a certas leis desse plano de realidade. 

Sabemos, por exemplo; que se bebemos continuamente bebidas com alto teor de álcool, o nosso organismo estará propenso a desenvolver uma dependência orgânica que poderá apoiar-se em uma fragilidade emocional o que resultará em problemas de diversas naturezas e uma dificuldade de manter o controle sobre o desejo de beber. Com o tempo as conseqüências se fazem notar, infelizmente. 

A maneira como você  lida com seus pensamentos, suas emoções, com sua energia, com suas escolhas, com seus hábitos é de sua inteira responsabilidade.

O auto-conhecimento e a vida espiritual pode ajudar muito na auto-superação.

Então, faça sua parte.

Cida Medeiros


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.