Terapia Sistêmica e a Doença

A Terapia Sistêmica com enfoque fenomelógico aplicado aos Sintomas e Doenças é uma abordagem de
trabalho terapêutico onde a doença ou o sintoma e tratado em suas correlações entre o paciente e seu sintoma.

Através dos representantes é possivel encontrar padrões básicos, dinâmicas familiares, emaranhamentos sistemicos e tantos outros.

Bert Hellinger tem um livro que aborda com exclusividade a questão do câncer. O Livro é: - "Desantando os Laços do Destino - Constelações Familiares com doentes de câncer", Ed. Atman

Outro nome reconhecido internacionalmente é Stephan Hausner, que publicou no Brasil pela
primeira vez, esse ano em 2010, o Livro: "Constelação Familiar e o Caminho da Cura" - A Abordagem da Doença sob a perpectiva de uma Medicina Integral. Publicado pela Cultrix.

Também podemos citar a Dra. Ilse Kutschera,  que publicou o livro chamado:
 "O  que  está acontecendo comigo?", Ilse Kutschera, Brugger Christine
Was ist nur los mit mir? O que há de errado comigo?
Os sintomas da doença e constelação familiar. Uma obra de muito sucesso na Europa.

Uma importante publicação da Sociedade Alemã intitulado como Praxis der Systemaufstellung 
(Prática das Constelações Sistêmicas), possui um material voltado a pesquisas e relatos sobre a
abordagem.

Poderá encontrar coisas interessantes em The Knowing Field (O Campo Ciente). Uma Jornal Alemão de
publicação internacional em Inglês.

Já trabalhei casos de sintomas à pedidos de clientes com suas patologias e que gostariam de ver essa questão ampliada pelo enfoque da Constelação.

Basicamente, utilizamos os representantes para serem posicionados como a doença e o paciente.

E vamos permitindo que o "campo do saber" vá se revelando, através dos seus representantes, pois o
Campo da Alma é dotado de uma saber transpessoal, transgeracional,  sistêmico e multidimensional.

O Terapeuta Familiar e Psiquiatra húngaro-americano, Ivan Boszormenyi-Nagy já  falava sobre as "Lealdades Invisiveis", isto é, Invisible loyalties, que é tema dos seu livro, já nos anos 80. Ele um Psiquiatra que ajudou a criar um poderoso metodo de trabalho terâpeutico para casos de doenças mentais, especialmente a esquizofrenia. Ivan, morreu em janeiro de 2007 aos 86 anos de idade, na Pensilvânia.

Dr. Nagy notou que os padrões destrutivos de interação familiar, muitas vezes atravessa gerações. Para enfrentá-los, ele trouxe os avós doentes e as crianças em sessões de terapia, se possível, bem como pais e irmãos. Ele descobriu que, trabalhando para equilibrar as lealdades e obrigações éticas entre membros da família, ele poderia ajudar a aliviar os sintomas dos pacientes, embora nem sempre curá-los.

Dr. Ivan, mais conhecido como Dr. Nagy, publicou vários livros e mais de 80 artigos sobre o tema, sua mais influente obra é "Invisible lealdade" (Harper & Row, 1973), escrito com Geraldine M. Spark.

Especialmente no trabalho do Dr. Ivan, o peso maior era a Dimensão ética das relações, a confiança, lealdade e justiça, como ponto central nas dinâmicas ocultas dos processos intergeracionais.

Esses padrões ocultos que se instalam e geram doenças ou diversas outras patologias são frequentemente
observados pelos movimentos e identificações com os membros familiares de forma inconsciente com os
destinos trágicos de outros membros da familia.

Procuramos perceber esse padrão de identificação e permitir que através da conscientização desses movimentos ocultos, que possa haver uma devolução pelo paciente desse padrão ou mesmo o abandono, que o mesmo se dê conta do que se passa e perceba sua identificação, seu padrão de lealdade oculta e inconsciente e perceba que está adotando sentimentos, missões, dívidas e compensações do seu sistema familiar através de um amor de vinculação.

Hausner, diz que os sintomas estão vinculados a acontecimentos ou condições que provocaram no cliente
a perda de vinculo com sua família de origem,  ou sentimentos de insegurança, culpa ou emaranhados  em destinos trágicos dos membros familiares.

Por isso a visão sistêmica permite elucidar essas questões ampliando o panorama e oferecendo recursos para cura e para libertação.

Um forte abraço
Cida Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.