Por que adoecemos tanto?


Querido leitor, grata por vir até aqui, sejam bem vindos!

Hoje vou falar sobre a importância que a mente possui  na influência dos processos orgânicos, na saúde ou na doença dos mesmos, mais fundamentalmente nas crenças que auto-limitam e as consequências de uma maneira mecanicista de tratar qualquer infermidade.

Desde à decada 70, que alguns seguimentos do saber humano já vem questionando a visão cartesiana do mundo e abrindo fronteiras para um novo conceito da física, desencadeando uma mudança na visão do mundo.



Passando da concepção mecanicista de Descartes e Newton para uma visão mais holística e ecológica, abrindo novas reflexões e introduzindo novos conceitos e uma maneira nova de entender e conceber a realidade.

Hoje já podemos pensar, sentir e refletir sobre um mundo globalizado e interligado, no qual, podemos considerar que todos os fenômenos estão interligados. Então, os fenômenos biológico, psicológicos, sociais, ambientais e de vários campos do saber humano, estão interligados. Um agindo sobre o outro de forma interdependente, numa visão multi-abrangente de todos os fenômenos da vida.

Por isso, fala-se de paradigmas, e da importância da mudança dos mesmos, pois para acompanhar o desenvolvimento da totalidade da experiência humana é necessario introduzir novos valores, incorporar em sí novos conceitos, é fundamentel a mudança de pensamentos, de percepções e valores internos, frente a vida incluindo a visão do todo.

Então, hoje, fala-se da Visão Sistêmica. Não podemos mais ver o ser humano como parte de uma mecânica funcional sem conceber a influência que os outros níveis de realidade detém sobre o mesmo.

Na nova visão da realidade inclui a emergente e fundamental visão sistêmica de vida, mente, consciência e evolução num todo interligado e funcional. Onde as partes influenciam no todo e o todo influência as partes,
formando assim um abordagem mais holistica da saúde e da cura, tendo como base fundamental uma leitura transpessoal dos fenômenos e incluindo a natureza espiritual e ecologica como um todo interligado.

Devemos com isso saber que: - o que pensamos influencia o nosso subconsciente e essa por sua vez influencia a bio-quimica do organismo e o mesmo influencia todo o processo organico, resultado em bem estar ou mal estar, em saúde e ou doença, concomitantemente influenciamos e somos influenciados pelo lado espiritual e imaterial da vida.

Então, essa nova visão da realidade baseia-se na consciência do estado de inter-relação e interdependência essencial de todos os fenômenos, tais como: físicos, biológicos, psicológicos, sociais, culturais, naturais, mundiais e cósmicos formando assim as bases para um novo paradigma.

O orgão neural é um sistema vivo altamente complexo, multidimensional e de multiplos níveis.

Por exemplo, no caso do câncer, quanto mais amplo for a consciência do paciente no contexto da sua enfermidade, torna-se possivel o processo de reversão da doença.

Devemos fortalecer a crença na eficácia do tratamento mais global e na potencia das defesas do organismo.

O primeiro passo é ter uma atitude confiável e uma mentalidade positiva como um recurso a mais para as respostas do organismo para re-equilibrar-se. Uma atitude positiva e confiável, ajuda o organismo liberar um conjunto de substancias quimicas essenciais ao fortalecimento do organismo.

Estudos realizados demonstram que a atitude da pessoa perante sua enfermidade é mais importante que a gravidade da mesma.

A visualização é um excelente recurso de comunicação com o inconsciente.  E as imagens mentais exercem influencia nos orgãos adoecidos.

Na Constelação Familiar, segundo Bert Hellinger, podemos encarar a doença de maneira direta, colocando no sistema ou campo, pedindo para uma pessoa representar a doença e permitir o que emerge, o que é revelado, o que vem à tona. Inúmeras são as causas, nesse método é possivel chegar a ter um entendimento muito bom à respeito do que ocorre com a pessoa e a doença em sí.

As vezes descobrimos que uma determinada enfermidade, como o câncer por exemplo, ou qualquer outra doença, esta ligado a algum evento muito traumático, que vem à tona. Pode ser alguma pessoa que foi excluida, alguma perda dolorosa, ou algo que estava profundamente recalcado e inconsciente, guardado para sí, com uma profunda dor.

É possivel que o Sistema: revele, traga a tona, o motivo, e com o que é revelado no campo da "alma familiar"  e com o uso da própria metodologia frente ao que é revelado é possivel desencadear uma grande força curativa para melhorar o quadro do paciente que sofre por causa de sua enfermidade dando uma nova força de cura ao mesmo. A grande alma, sempre busca o amor e a cura incondicionalmente.

No ambito do Xamanismo, é possivel, através dos estados incomuns de consciencia, a comunicação e o contato com o mundo dos espíritos para obter auxilio das forças da natureza, bem como dos animais e a orientação complementar no resgate de partes da alma, exorcismos e outras possibilidade que existem no outro nível de realidade, complementando o processo de socorro aos que sofrem por conta de alguma enfermidade do espirito, complementando assim, o processo do resgate da saúde do corpo, mente e espírito.

A concepção xamanica da doença é considerar que a pessoa é parte de um todo e que existe alguma desermonia em relação a esse todo, como parte integrante com a natureza e com a ordem cósmica.

Vejam, é um conjunto de ações que remete ao estado de melhora, espiritual, psicologica, emocional, vibracional que influência o todo a reagir de maneira positiva, fortalecendo as defesas do organismo, aumentando auto-estima e o amor próprio da pessoa envolvida.
.
O meio ambiente também influencia. As chaces de melhora em quem esta bebendo uma agua pura, repirando um ar carregado de Mana e dormindo num lugar tranquilo e sereno e alimentando-se de forma saudavel distingui-se daqueles que infelismente moram mal, vivem mal, comem mal, e vivem dentro da maior poluição possivel.

Isso é visão sistemica. Olhar o conjunto de informações e importar-se com o Planeta.

Por Cida Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.