Esquizofrenia, o que é?

Caro leitor, hoje vou falar sobre um distúrbio da mente, chamado de Esquizofrenia.
A pessoa que sofre de Esquizofrenia não se dá conta disso. É uma pessoa comum, que em decorrência de algum trauma, algum evento dramático, passa a apresentar os sintomas por um período e necessita de assistência, pois a dissociação é evidente para os demais, mais quase sempre a pessoa que esta vivendo isso não sabe de seu problema. Esse é um tipo de situação que pode ocorrer na vida de qualquer pessoa.

Segundo a Bioenergética todos nós temos estruturas que são caracterizadas como uma defesa em nosso desenvolvimento. Certas estruturas podem levar a patologias, a esquizofrenia faz parte de uma das tendências desencadeantes de certas estruturas de caráter.

Uma pessoa bem trabalhada, pode desenvolver habilidades a partir dessas estruturas de base, enquanto outras, em ocasião de stress continuo e/ou por conta de uma etapa de vida, por diversos fatores, pode evoluir essa estrutura de base para uma patologia e necessitar de tratamento.

Então o que seria a Esquizofrenia?

É um distúrbio mental, considerado grave, do qual, a pessoa que está sofrendo desse distúrbio, apresenta uma distorção no pensamento, na percepção da realidade, na expressão de emoções, nas relações sociais e no comportamento.

A ciência considera a esquizofrenia como uma forma de psicose. A pessoa que esta sofrendo com essa doença não conseguem distinguir o real do imaginado. Para ela o imaginado é tão real que se torna difícil distinguir as diferenças, do que ela percebe através dos seus sentidos.

Ela não consegue distinguir os fatos do aqui agora, com as percepções que estão em outros campos, por exemplo, do plano astral, memórias do passado ou de qualquer outro campo.

Ela não consegue contextualizar as experiências internas de maneira a alcorar energia espiritual e fazer com que essas visões e percepções possam ter um bom aproveitamento em seu meio. 


Não conseguem por sua força espiritual adequadamente a serviço do Ser. Pois normalmente essas pessoas podem ser verdadeiros curadores. Xamãs, Mediuns e até verdadeiros canais luminosos.

Considera-se que os fatores ambientais e genéticos contribuem para o desequilíbrio. Porém, sabe-se que o transtorno é recorrente em uma mesma família, então se existe algum parente próximo que apresenta os sintomas é possível que outra pessoa venha a desenvolver esse mesmo distúrbio.

Porém sabemos que isso não é suficiente para explicar as possiveis razões dessa doença.

Hoje temos também a compreensão que as Constelações Familiares nos oferecem, sabemos que a origem da doença, esta presente no sistema familiar de origem e/ou pode ser uma herança dos antepassados ou pode estar sendo representado por alguém que foi excluído do sistema ou estar relacionado com alguma morte, principalmente assassinatos ou algum tipo de violência.

E pode ser tratada de uma maneira bastante revolucionária através de um bom suporte terapêutico.


Estudiosos revelam que dentre os fatores ambientais desencadeantes da doença está às infecções, a nutrição deficiente, eventos estressantes e o uso de drogas.

O que é muito importante explicar e que os níveis excessivos de dopamina podem exercer grande influência desencadeadora dos sintomas esquizofrênicos e principalmente as drogas que influenciam o organismo a liberar esse neurotransmissor. Então, pesquisas revelam que essas pessoas possuem um nível muito baixo de receptores de glutamaco e redução da substância cinzenta em certas áreas do hipocampo e nos lobos frontais e temporais.

A doença pode ser desenvolvida em qualquer época da adolescência ate qualquer idade adulta.

Existem variações na gravidade da manifestação da doença, depende muito da pessoa.

Os sintomas são delírios, alucinações, principalmente auditivas, fala incoerente e confusa, emoções ausentes e inadequadas. Pensamentos desorganizados, movimentos voluntários e repetitivos e isolamento social, dificuldade em manter uma higiene adequada, a pessoa relaxa na higiene e na saúde.

A medicina ira tratar esses sintomas com medicações.

Para nós, espiritualistas contemporâneos,psicoterapeutas transpessoais, e terapeutas holisticos, entendemos, que uma fina camada que separa o mundo da matéria com o universo imaterial é rompido e a pessoa começa a perceber e captar freqüências que estão no campo de energia, e por isso, por ter rompido com uma parte importante do entendimento e da faculdades da razão e do discernimento, no lado energético e espiritual, a pessoa não se dá conta do que é uma visão, do que é uma memória do passado, o que é um Elemental, uma nuvem astral, ou coisa semelhante que distingue a realidade dos fatos que ocorrem de verdade na situação atual. Confunde o aqui e agora do que esta em outros planos e dimensões, de uma maneira desconectada com a luz do Ser.

Por isso, muitos indivíduos que vão para as doutrinas religiosas e filosóficas passam a receber um tratamento espiritual e começam a restabelecer o fluxo de energia em seus campos vibratórios e recebem auxilio e tratamento para reconectarem os cordões de luz, com a sua divindade interna,  muitos seres luminosos começam a se aproximar e equilibram as vibrações mentais, os chakras e os campos energéticos. E reconstroem as ligações energéticas que alimentam o metal e ampara o campo vibratório e restabelecem os circuitos danificados para que as funções operem de maneira apropriada e a pessoa saiba ser um bom canal mediunico e consiga distingui o que percebe na vida espiritual, do que é passado, do que é uma memória, do que é um ser, um guia, um obsessor ou qualquer outra coisa. Pois se a pessoa não tem uma visão para ver, com certeza, tem o amparo de algum Guia ou Protetor que orienta.

E então a pessoa vai apresentando uma melhora em seu quadro e passa até a ser um servidor espiritual e nome de algum bem maior. Por exemplo, passa a atuar como médium ou como voluntário em algum tipo de egregora espiritual, fazendo alguma pratica de meditação ou de yoga.

Então de uma doença, a pessoa passa a ser considerado um Emergente Espiritual. E é acolhido a partir de um conjunto de informações e tratamento que os ajuda na cura.

Pois se antes, ao sofrer algum trauma é rompido o campo energético ao ponto de ela ficar fora de si, e não conseguir ter discernimento do que acontece, pois a faculdade da razão e do discernimento e a lucidez estão prejudicadas. Então, ao receber ajuda ela pode voltar a ter um vida social e ter a oportunidade de um reforma intima e ir lapidando internamento o que é necessario para a sua evolução.

Às vezes por conta do choque e do terror que a pessoa passa, as energias do campo começam a interferir. As vezes são obsediadas ou vivem projetadas em dimensões sutis e não conseguem viver no plano da realidade. Isto é, cumprir com responsabilidades ou mesmo manter vínculos. Ela esta impossibilitada disso. Por isso, precisa de ajuda.
É importante compreender que a Esquizofrenia tem tratamento e pode ser muito bem acolhida dentro da espiritualidade.

A pessoa também pode ser tratada pela medicação, porem os remédios vão fechar os campos que são dimensionais e a pessoa vai ficar mais limitada, mais alguma medicação por um periodo pode ser necessario.

Mas a vida espiritual é algo que transcende os paradigmas da medicina convencional. E verdadeiros milagres ocorrem a partir da fé e do amor.

Agora existem vários tipos de esquizofrenia, a paranóide, a residual, indiferenciada, a desorganizada e a catatônica.

A catatônica é descrita como uma fase da doença onde os sintomas estão presentes, porém não são tão graves como quando a doença esta no inicio ou quando é diagnosticada.

A Paranóide a pessoa apresenta delírios e sente que esta sendo perseguido e as alucinações estão sempre presentes e as emoções, os pensamentos e a fala podem ser normais.

Agora no tipo desorganizado a fala e os pensamentos refletem a desorganização e o comportamento também costuma atrapalhar as atividades do dia a dia. A pessoa tem um baixo rendimento e não consegue ter uma atitude coerente.

Catatônica a pessoa exibe comportamentos estranhos e movimentos sem propósito e repete as palavras escutadas e possui uma falta de reação ao que acontece em seu meio.

Indiferenciada é um tipo onde os sintomas da paranóide, desorganizada e catatônica estão presentes mais o conjunto das reações não se enquadram em nenhum tipo.

Como vêem o quadro de sintomas que a pessoa apresenta é grave. E necessitam de muita compreensão de seus familiares, amigos e colegas para poder entender o que se passa com a pessoa e poder tomar as medidas cabíveis para socorrê-la. Porque essa pessoa sofre, às vezes esta profundamente identificada com suas visões  internas e acredita que é verdade tudo que experimenta. O que é de fato, ela só não se dá conta do desequilíbrio em que se encontra e não percebe que está totalmente fora da realidade e precisa de ajuda, principalmente para desendentificar-se dessas imagens do astral, das memórias e saber lidar com o plano de lá e o de cá. E quem sabe, através da espiritualidade encaminhar e tratar o que a persegue.
Quando é alguém da família que percebe e vive o drama talvez procurar uma Constelação Familiar pode revelar alguma solução que irá beneficiar não só a pessoa em questão mais o sistema familiar como todo.

Mas é preciso ver o que se passa, perceber o nível de comprometimento das funções neurológicas e ver o conjunto que a pessoa está envolvida para saber quais encaminhamentos seriam mais adequados para encaminhar uma solução em conjunto para socorrer aquele que está vivenciando a doença.

E um assunto bem polêmico, eu sei, mais por minha experiência muitos casos é possível solução.
Por Cida Medeiros
Esse texto é de minha autoria, baseado em estudo, referências cientificas e experiência. Portanto é proibido o uso indevido sem citar a fonte e o autor.

2 comentários:

  1. Li seguramente seu artigo sobre: "Esquisofrenia, o que é". Muito interessante. É uma forma de esclarecer sobre às doenças psicossomáticas, que atingem a muitas pessoas, devido ao pecado original, que todos recebemos a sua imputação, e que todo nós ficamos sujeitos e vulneráveis. Por maior que seja a enfermidade tem uma solução. Acredite! Creio em Deus e sei que ele apontará uma solução para qualquer enfermidade.

    ResponderExcluir
  2. Grata pela partilha. Saudações!

    ResponderExcluir

Bem vindo! Deixe aqui seu comentário.